Barcelona sonda Xavi para substituir Valverde, diz mídia espanhola

Barcelona sonda Xavi para substituir Valverde, diz mídia espanhola

O Barcelona propôs que seu ex-capitão Xavi Hernández, atual treinador do clube Al Sadd Qatari, substitua Ernesto Valverde no comando da equipe, informaram vários veículos da mídia espanhola nesta sexta-feira.

Eric Abidal, diretor esportivo do Barça, sondou Xavi para ser treinador pelas próximas duas temporadas, mas também perguntou se ele estaria disposto a assumir o time imediatamente, destacou o Cadena Ser.

“O fato de Xavi ir para o Barcelona é normal e esperado, porque é seu clube, sua primeira casa e ele deve retornar no futuro, mas hoje Xavi é o treinador do Al Sadd”, disse o clube do Catar após informações publicadas pela imprensa.

“Ele está focado no jogo de amanhã contra o Al-Rayyan”, acrescentou o gerente geral do clube, Turki Al-Ali em um comunicado.

“Um clube da importância e profissionalismo do Barcelona usará os canais oficiais para discutir essas questões”, concluiu.

Lenda do futebol espanhol, Xavi foi campeão mundial em 2010 e europeu em 2008 e 2012, disputando 133 jogos com a ‘Roja’.

Prestes a completar 40 anos, seu currículo com o Barcelona também é muito extenso, com destaque para quatro edições da Liga dos Campeões.

Em 2015, ele deixou o gigante espanhol e assinou com o Al Sadd, onde encerrou sua carreira como jogador e começou sua fase como treinador.

Valverde vive um momento ruim no comando do Barcelona, que na quinta-feira foi eliminado nas semifinais da Supercopa da Espanha ao perder de virada para o Atlético de Madrid (3-2).

O Barcelona propôs que seu ex-capitão Xavi Hernández, atual treinador do clube Al Sadd Qatari, substitua Ernesto Valverde no comando da equipe, informaram vários veículos da mídia espanhola nesta sexta-feira.

Eric Abidal, diretor esportivo do Barça, sondou Xavi para ser treinador pelas próximas duas temporadas, mas também perguntou se ele estaria disposto a assumir o time imediatamente, destacou o Cadena Ser.

“O fato de Xavi ir para o Barcelona é normal e esperado, porque é seu clube, sua primeira casa e ele deve retornar no futuro, mas hoje Xavi é o treinador do Al Sadd”, disse o clube do Catar após informações publicadas pela imprensa.

“Ele está focado no jogo de amanhã contra o Al-Rayyan”, acrescentou o gerente geral do clube, Turki Al-Ali em um comunicado.

“Um clube da importância e profissionalismo do Barcelona usará os canais oficiais para discutir essas questões”, concluiu.

Lenda do futebol espanhol, Xavi foi campeão mundial em 2010 e europeu em 2008 e 2012, disputando 133 jogos com a ‘Roja’.

Prestes a completar 40 anos, seu currículo com o Barcelona também é muito extenso, com destaque para quatro edições da Liga dos Campeões.

Em 2015, ele deixou o gigante espanhol e assinou com o Al Sadd, onde encerrou sua carreira como jogador e começou sua fase como treinador.

Valverde vive um momento ruim no comando do Barcelona, que na quinta-feira foi eliminado nas semifinais da Supercopa da Espanha ao perder de virada para o Atlético de Madrid (3-2).

O Barcelona propôs que seu ex-capitão Xavi Hernández, atual treinador do clube Al Sadd Qatari, substitua Ernesto Valverde no comando da equipe, informaram vários veículos da mídia espanhola nesta sexta-feira.

Eric Abidal, diretor esportivo do Barça, sondou Xavi para ser treinador pelas próximas duas temporadas, mas também perguntou se ele estaria disposto a assumir o time imediatamente, destacou o Cadena Ser.

“O fato de Xavi ir para o Barcelona é normal e esperado, porque é seu clube, sua primeira casa e ele deve retornar no futuro, mas hoje Xavi é o treinador do Al Sadd”, disse o clube do Catar após informações publicadas pela imprensa.

“Ele está focado no jogo de amanhã contra o Al-Rayyan”, acrescentou o gerente geral do clube, Turki Al-Ali em um comunicado.

“Um clube da importância e profissionalismo do Barcelona usará os canais oficiais para discutir essas questões”, concluiu.

Lenda do futebol espanhol, Xavi foi campeão mundial em 2010 e europeu em 2008 e 2012, disputando 133 jogos com a ‘Roja’.

Prestes a completar 40 anos, seu currículo com o Barcelona também é muito extenso, com destaque para quatro edições da Liga dos Campeões.

Em 2015, ele deixou o gigante espanhol e assinou com o Al Sadd, onde encerrou sua carreira como jogador e começou sua fase como treinador.

Valverde vive um momento ruim no comando do Barcelona, que na quinta-feira foi eliminado nas semifinais da Supercopa da Espanha ao perder de virada para o Atlético de Madrid (3-2).

Close Menu
Right Menu Icon